As questões feministas estão cada vez mais em pauta. Agora foi a vez do Concurso Miss América, que deixará de realizar o tradicional desfile de biquíni. O anuncio foi feito nesta terça (5) por Gretchen Carlson, presidente do conselho de diretores do evento.

“Nós não somos mais um concurso. Somos uma competição ”, disse Carlson, que foi eleita Miss América em 1989. “Nós não vamos mais julgar candidatas por sua aparência física.”

A nova decisão acompanha as mudanças da competição para se adequar ao movimento #MeToo, que tem levado diversas mulheres de Hollywood a falar sobre casos de assédio e abuso sexual. Além da desigualdade de gênero dentro do ambiente de trabalho.

 

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta