Cores vibrantes na parede ao fundo destacam objetos e ressaltam móveis à frente

A cartela é imensa, e as opções variadas. Há uma adequada para cada ambiente; para a cozinha um tom, sala e quarto outros. Estamos falando daquelas que são capazes de expandir os cômodos, iluminar ou escurecer, trazer alegria ou sobriedade. Sim! As dinâmicas tintas de parede!

E para harmonizá-las nos ambientes, algumas dicas podem ser seguidas. Atenção ao método de pintura, materiais e tons é o primeiro passo. E em dias chuvosos e úmidos é melhor abandonar o pincel para não prejudicar a qualidade da pintura.

Se a dúvida for sobre qual produto utilizar, saiba que ambientes internos e externos, além do tipo de superfícies, requerem tintas com características diferenciadas.

O produto para o seu tipo de parede
Para superfícies de madeira, a recomendação é utilizar tintas a base de óleo, esmaltadas, de verniz ou stain, que evitam desbotamento e rachaduras. O cuidado deve ser redobrado em partes externas, pois a ação do tempo costuma deteriorar a pintura. Por isso, nesses ambientes é importante a utilização de vernizes com filtro solar e esmaltes Premium.

Em paredes de alvenaria, as escolhidas deverão ser sempre as tintas vinil-acrílicas e texturas, látex acrílicas e látex PVA. Para dentro de casa, a escolha poderá ficar entre a Econômica, Premium ou Standard. Já para áreas de externas, Premium e Standard.
Metais, em ambos os locais, deverão ser pintados com tinta a óleo e esmaltes, pois são mais duráveis e aconselhadas para esse tipo de material.

Use as cores ao seu favor
Com alguns truques é possível ampliar ou encolher ambientes. Se você tem um cômodo quadrado e pretende aumentá-lo, basta aplicar tons escuros em duas paredes que estejam uma de frente para a outra. Isso trará a sensação de extensão.

Pintar o forro mais claro do que as paredes oferece a sensação de altura aos cômodos

Já para ressaltar algum móvel ou objeto, a solução é aplicar uma cor vigorosa na parede de fundo. E para seu imóvel parecer mais alto do que realmente é, basta pintar a cor do teto mais clara do que a das paredes, assim haverá a sensação de maior profundidade.

Sobre as tonalidades, tons quentes, como vermelho e amarelo trazem aconchego e diversão a cômodos como a sala. Eles devem ser aplicados em apenas uma parede. Tons pastel também caem bem para qualquer peça, trazendo claridade e um ar clean, possibilitando ousar nas cores de móveis e objetos.

Para ambientes externos, vai do gosto de cada um. Escolher entre tons quentes ou frios fica a critério do proprietário. O que vale é estar atento ao tipo de tinta que será aplicado.

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta