Foto: Reprodução Internet

O feminismo é um movimento que está a muito tempo presente na nossa história. Entre todas as ondas desse movimento, e diversas informações diariamente soltas nas redes sociais, é importante estar bem informada através dos livros, pensando nisso separamos 5 livros que podem te ajudar nessa caminhada.

1. “O Segundo Sexo”, Simone de Beauvoir

Foto: Reprodução Internet

A grande obra da filósofa francesa foi publicada em 1949, mas é considerada atemporal e definitiva. Nela estão conceitos aplicados por diversas vertentes do feminismo, tanto hoje quanto na segunda onda, que aconteceu nos anos 60/70. A autora aponta como a mulher não é considerado um ser autônomo.

2. “Um Teto todo seu”, Virginia Woolf

Foto: Reprodução Internet

Uma leitura para entender a primeira onda do feminismo. Publicado em 1929, a partir de uma série de palestras sobre a mulher e a ficção que Virginia deu nas faculdades de Newham e Girton. A autora explica que para uma mulher ter sucesso literário precisa ter “dinheiro e um teto todo seu”.

3. “Mulheres, raça e classe”, Angela Davis

Foto: Reprodução Internet

No livro, a autora retrata as tensões durante o movimento sufragista americano e analisa os diferentes interesses entre mulheres brancas e negras no feminismo. Inicialmente publicado em 1981 nos Estados Unidos, só foi traduzido para o Brasil em 2016.

4. “Os homens explicam tudo para mim”, Rebecca Solnit

Foto: Reprodução Internet

A autora começa contando sua experiência quando um homem tentou convence-la a ler um livro, sem deixar que ela dissesse que ela mesma havia escrito a obra citada. O termo “mansplaining” se tornou popular após a publicação desse livro.

5. “Feminismo em comum”, Márcia Taburi

Foto: Reprodução Internet

Na obra, a autora defende que é preciso conhecer as diferentes correntes que formam o feminismo e se conscientizar de que todos sofremos com os pesos e as limitações do patriarcado, e que além do capitalismo ter abraçado o movimento, é necessário levar o ativismo a sério.

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta