Jin ShinJyutsu, harmonização, coluna Nadir Juliana, corpo e mente sã
Crédito: reprodução internet

Jyutsu: Arte
Shin: Criador
Jin: Homem de conhecimento e compaixão
O Jin ShinJyutsu Fisio-Filosofia é uma arte de harmonização do corpo, mente e espírito por meio de toques, em áreas do corpo que concentram a energia vital. Essa prática foi desenvolvida através dos estudos do Mestre JiroMurai, no Japão, no início do século XX, e tem como princípio aproveitar a capacidade inerente a todos seres humanos, sem exceção, de gerar a própria harmonia física, mental e emocional e, assim, manter a saúde. Nem sempre estamos conscientes deste nosso poder essencial e, ao ativá-lo, é possível restaurar a força vital e ficar menos vulneráveis às doenças e aos efeitos do estresse.
O Jin ShinJyutsu (JSJ) é indicado como tratamento complementar em casos agudos e crônicos. Ele atua no alívio de dores, desconfortos e disfunções físicas, sobrecargas emocionais e falta de clareza mental. Além disso, segundo Mary Burmeister – discípula do Mestre Jiro Murai – o Jin ShinJyutsu é uma Fisio-Filosofia, pois nos permite conhecer a essência da natureza humana, ensinando a perceber, compreender e transformar a nossa realidade de forma natural, sem esforço. Com a prática desta arte podemos reconhecer a sabedoria do corpo e da vida, entender suas mensagens e utilizá-las para gerar harmonia e saúde.
Através do Jin ShinJyutsu (JSJ) despertamos nossa consciência, confiança e entusiasmo para nos entregar ao fluxo da vida com seus muitos e constantes processos de transformação.
Para se auto-aplicar basta segurar um dos dedos correspondente a atitude desarmonizada. Os dedos têm relação direta com os fluxos do corpo e o simples ato de segurá-los, de forma consciente, ajuda a dissipar as atitudes emocionais e harmonizar-se.

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta